Horário na Nova Zelândia: 0000-00-00 00:00
BR

A Ananda é brasileira mas morou no Japão por 15 anos, trabalhava de 12 a 15 horas por dia. Ela nunca se contentou com a vida que ela levava no Japão, sempre achou que poderia fazer mais. Decidiu então que queria a experiência de morar em um terceiro país. Ela não gostava muito de inglês, mas percebeu ao longo do tempo a importância da língua inglesa e resolveu unir essas duas vontade e resolver fazer um intercâmbio. Procurou por diversos países e acabou se apaixonando pela Nova Zelândia.

 
Conheça mais sobre sobre a história da Ananda:

“Eu nunca gostei de inglês mas com o tempo a gente vai percebendo que é necessário que abre muitas portas se você souber falar mais uma língua, precisamente o inglês. Na época eu fiz um curso básico no Japão, mas eu já tinha intensão de fazer intercambio e eu não queria ir para outro país sem saber falar um pouco exatamente porque eu precisava trabalhar. Fiz um ano de inglês, aprendi o básico, conseguia me comunicar aí eu comecei a planejar ir para outro lugar, pesquisei vários lugares a primeira ideia foi Irlanda, mas por ter muitos brasileiros por lá desisti. 

Comecei a procurar lugares mais baratos e nisso eu encontrei a Nova Zelândia, foi quando eu conheci a Kiwi Education.

Eu me planejei bem e fechei meu curso há mais de um ano, a Kiwi me indicou a escola, aplicou o meu visto e tirou todas as minhas dúvidas, pois temos muitas dúvidas antes de vir. Eu só precisei depositar o dinheiro para a escola onde fiz direto do Japão, foi super tranquilo.

O suporte foi muito bom! Eu cheguei no Aeroporto e a equipe de suporte estava lá para me receber. É muito bom você chegar e ter alguém lá te esperando, saber que você não está sozinha, e aqui mesmo toda vez que eu preciso de alguma coisa eu entro em contato e eles estão lá sempre para me dar um suporte, seja tirando minhas dúvidas, me ajudando e eu acho que isso faz toda a diferença se você tem alguém assim para poder se apoiar, para poder saber que está ali para te ajudar e eu acho que faz toda a diferença. Eu acho que não poderia ter escolhido conselheiros melhores. 

Eu pesquisei muito antes de vir e o pessoal fala muito de valores que é uma coisa que a gente se preocupa muito. Ainda mais eu que vim sozinha que estou trabalhando fazendo tudo sozinha. Realmente algumas coisas são mais caras, comida, acomodação, mas nada absurdamente, principalmente para as pessoas que vem do Japão. Não acho que é muito mais caro!

A principio eu queria muito ter ido para Queenstown, mas como falaram que era um pouco mais difícil por questão de emprego e tal, e como Auckland era uma cidade maior seria mais fácil arranjar emprego eu decidi vir para Auckland e não me arrependo.
Eu moro, estudo e trabalho no centro então para mim isso não é um problema. A tranquilidade, a mistura da natureza com a modernidade (tem parques enormes no meio da cidade), a segurança e a simpatia das pessoas você vê em qualquer lugar que você vá. 

Dê uma forma geral eu vejo que os Kiwis não trabalham tanto quanto os Japoneses, eles tem uma vida mais social, você vê que eles saem mais, aproveitam bem a vida. Claro que para os estudantes tem que trabalhar e estudar, então é preciso saber dividir o tempo, mas não é nada igual ao Japão que a gente trabalha 12, 13, 15 horas. Aqui eu tenho mais tempo para fazer as minhas coisas, aqui eu consigo sair, fazer coisas, conhecer lugares.

Eu consegui emprego depois de 10 dias da minha chegada, em um restaurante. Eu trabalhavam em um restaurante no Japão, você vê que os Kiwis não são tão detalhados quanto os Japoneses. Contanto que você sirva bem, seja simpático, consiga atender o cliente está bom. Agora no Japão não, tem todo uma regra, procedimentos. Aqui eles são um pouco mais liberais
Eu trabalho de final de semana também e eu acho que no Japão é muito mais corrido trabalhar de final de semana, lá era uma loucura mal tinha tempo de almoçar, começava as 9am e ia almoçar as 17 da tarde. Aqui não, por mais que tem cliente, aqui não é tão lotado e domingo é muito mais calmo. Tem muita oferta de trabalho aqui na região, você vê bastante gente andando na rua procurando na internet. Mas acho que o difícil para a gente que tem visto de estudante são as horas, muitos estabelecimentos querem gente que possa trabalhar um período maior, integral. Em questão de experiência conta um pouco, mas não sei se é tudo. No restaurante que estou eu só fui lá conversei e deu tudo certo. Mas eu entreguei o currículo em alguns outros lugares, mas por causa do horário das minhas aulas ficava um pouco complicado.

Estou estudando na escola Worldwide, eu procurei uma escola que não tivesse muito brasileiro, exatamente porque querendo ou não é muito mais comum você falar a sua língua do que falar outra que você está aprendendo. Procurei também por uma escola que tivesse professores nativos. E foi isso, meu professor aqui é Kiwi, é daqui mesmo, existe brasileiros, mas conversamos na maioria do tempo em inglês. Gosto bastante das aulas, muito dos professores, da estrutura da escola e o suporte que nós temos aqui (temos consultores que falam a nossa língua nativa), temos atividades extracurriculares durante a semana em que os professores levam a gente para alguns lugares a gente tem aula de futebol, de Rugby. Acho muito interessante pois você conhece pessoas fora da sua sala. O único ponto ruim, acho a aula as vezes um pouco curta a gente começa as 9 e vai ate 12:15 e de vez em quando tem muita conversação na aula, acho que temos mais tempo do que deveríamos ter para conversar. Fora isso a estrutura da escola é muito boa, não tem muito brasileiro, mas tem muito asiático, como já esperava. Na minha sala só tem eu de brasileira e somos em uns 12 ou 13, tem chileno, japoneses, tailandês e coreano, é bem misturado e fazemos de tudo para nos comunicar em inglês e é bem legal!

Estou aqui há um mês, fui para pouco lugares, um que mais gostei foi Mission Bay (praia), é muito pertinho, dá para ir qualquer dia da semana , 20 minutos de ônibus e você está lá. A cidade de Auckland é muito bonita! Eu só achei ruim as subidas e descidas (porque no Japão não tem isso). Nós fomos para Hobbitown com a Kiwi Education, foi logo que eu cheguei aqui, foi um passeio maravilhoso, foi aí que eu percebi que eu tinha realmente escolhido o lugar certo porque os lugares que nós passamos os lugares uma natureza incrível. Por enquanto foi só isso , mas eu pretendo viajar um pouco mais antes de ir embora.

 

A experiência está sendo maravilhosa! Eu não poderia ter escolhido país melhor! Cada dia que passa eu me apaixono mais pela NZ.

    

Se vocês tiverem vontade a NZ é incrível vocês não vão se arrepender em vir para cá!!

É maravilhoso! 

 
Faça igual a Ananda, não se contente com pouco, sempre busque o melhor para você. Arrisque!
Conte conosco em seu planejamento e a todo o momento de sua estadia na Nova Zelândia!
 
Desejamos e continuaremos desejando para a Ananda muito sucesso e sempre que precisar pode continuar contando conosco!